Ainda sobre cagadas e/ou Polícia. E Mídia também.

Se na semana passada os dois casos que tratei aqui estavam em alta, efervescendo nas TVs de todo o Brasil, nesta eu teria muito mais pano pra manga. Mas como eu prefiro abacaxi, vou ignorar aqui o que aconteceu no Rio novamente, em Recife, Rio Branco, Salvador, São Luís, São Paulo, Teresina ou Vitória.

O importante é alertar essa onda de mortes de inocentes por policiais. Será que é uma onda dessa natureza mesmo? Ou será que é uma onda da mída? Assim como Chaves, Malhação, o noticiário também segue tendências, tem público alvo e é moldável. Oh! Não sabia? Sabia, né, espertão. Mas na hora de assistir ao JN você não pensa nisso, e acaba não se pegando pensando em como a polícia do Rio é incompetente, em como esse país tá perdido e blablablá. E é aí que entra a manipulação.

Não acuso a Mídia de manipulação. Nem Veja, nem Globo, nem Diário de Pirassununga, nem absolutamente ninguém. Isso é coisa de Comunista Fascista (boa, não?) aloprado. O verbo manipular não se aplica na voz ativa. Ninguém manipula ninguém. Quando Deus criou você do barro e te soprou uma alma e o tal do livre arbítrio, isso passou a ser verdade absoluta. No entanto, muita gente se manipula, é manipulada. Pela simples vontade de ir com a correnteza, ou pela falta de vontade de nadar no seu próprio rio – os Comunistas Fascistas talvez sejam os que nadam contra a correnteza. E aí a Mídia e todo mundo se aproveitam disso. E não são filhos de putas, nem nada disso. Ter senso crítico, personalidade, capacidade de fugir do “raciocínio macacóide” é obrigação de todo mundo, tendo freqüentado só até a quarta série, curso superior completo, diploma de encanador ou biólogo.

Arma de destruição em massa? Larga de ser panaca.
Arma de destruição em massa? Larga de ser panaca.

A capacidade que alguém tem de se manter alheio a tanta informação manipuladora não é a força de vontade que tem de “desligar a TV e ler um livro”, mas sim a inviolabilidade de personalidade de ficar 17 dias diante da TV comendo frango frito sem se tornar um completo imbecil. Tudo bem que pra fazer isso é preciso já ser um, mas nunca se sabe, há quem pregue “tudo em nome da ciência”, né…

Mas e a Polícia? Continua lá, ora essa. Composta por grandes homens, dignos de um puta respeito por tudo aquilo que todo mundo tá cansado de saber: ganham mal e ainda correm riscos imensos pela vida muitas vezes de grandes cornos do caralho que não valem nada. Mas esses grandes homens às vezes erram, e isso, cacete, é natural. Tudo bem que seus erros muitas vezes envolvam vidas, vidas inocentes mesmo, mas é o maquiavelismo da coisa. O que realmente é foda é omissão, corrupção, e outras coisas que não se justificam. Agora, se num seqüestro o cara tá ali levando bala e acaba atirando e porra, acaba perdendo o controle da situação e matando um inocente, tá fácil entender e perdoar. Aí o cara paga pelo que fez, etc. e tal, mas não é preciso crucificá-lo, nem mesmo colocar em xeque toda uma corporação, ou ainda o conjunto de várias. Generalização SEMPRE é sinônimo de ignorância. Ha-ha.

E sei lá, escrevendo isso aqui me lembrei de “Caso Isabella”, “Jean Charles de Menezes” e vários outros exemplos de saturação midiática. Puta chatice, puta falta de sensibilidade com quem tá sofrendo, puta amadorismo, puta sede de circo que você tem, que eu tenho. “Vãoparacuissoaê!”

Anúncios

Uma opinião sobre “Ainda sobre cagadas e/ou Polícia. E Mídia também.

  1. eles muito valentes quando estao em grupo,com ódio da propria estupidez e armados ou quando alguem ou umgrupo que nao pode se defender.Mas eu ja vi delegado titular gay, delegado seccional, internado em hospital psiquiatrico e roubando aqueles pijaminhas imundos e cheio de doenças.Mas a melhor é a do polícia que penhorou a viatura na biqueira.Teve que chamar até o helicoptero

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s